Uma “nova” ética para os relacionamentos amorosos

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Escultura erótica em templo hindu medieval em Khajuraho, Índia

Escultura erótica em templo hindu medieval em Khajuraho, Índia

» por Rosana Biondillo

Por ter, como todos vocês que me leem agora, passado por algumas amargas experiências no setor dos relacionamentos amorosos, comecei a prestar mais atenção à minha volta, procurando entender pelo menos um pouco do que andou me acontecendo.

Não sei se entendi, mas minhas observações estão se transformando numa pesquisa informal: observo as atitudes de pessoas que eu conheço, que são somadas aos comentários que ouço e aos desabafos que escuto.

E, pasmem, depois de um tempo fazendo isso, passei alguns meses me sentindo quase um lixo de mulher.

Querem saber por quê?

Porque eu “descobri” uma coisa que já anda acontecendo há séculos, mas que nunca antes me chamou tanto a atenção:

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Amor Radical ou emoções baratas?

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Radha e Krishna

Radha e Krishna


» por Pedro Kupfer (1966-), do yoga.pro.br

Hoje em dia, está na moda ficar. Pessoas ficam. Por exemplo, ouvimos dizer que Fulano ficou com Sicrana. Demorei um pouco para entender o que era esse tal de ficar. Ainda bem que tenho um dicionário em casa: aprendi que ficar é “manter (com alguém) convívio de algumas horas, sem compromisso de estabilidade ou fidelidade amorosa”. Traduzindo: ficar é viver um relacionamento amoroso avulso. Emoções baratas (cheap thrills), diria Janis Joplin.

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Comida e caráter

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Sri Sathya Sai Baba (1926 - 2011), educador indiano

Sri Sathya Sai Baba (1926 – 2011), educador indiano

» por Sri Sathya Sai Baba (1926 – 2011)

A humanidade é uma inseparável Unidade. Contudo, nós vemos que o homem tem diferenças de opinião, que existem constantes conflitos entre diferentes religiões, que existem tensões entre as castas e que um país é inimigo do outro.

Qual é a causa desses conflitos? A causa de todos esses conflitos e diferenças de opinião é a comida. A comida que você come causa todas essas diferenças, assim como é a comida que você come que determina o que você é, no final.

Existem três qualidades na comida que você consome: sattva (equilíbrio, pureza), rajas (agitação, atividade) e tamas (inércia, ignorância).

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Vegetarianismo radical

Compartilhe esse conteúdo com alguém...

Kamadhenu, a vaca sagrada do deus Indra, na Mitologia Hindu

Kamadhenu, a vaca sagrada do deus Indra, na Mitologia Hindu

» por George Guimarães (1974-)

O cheiro de sangue é forte e pode ser sentido de longe. No mercado a céu aberto, o cliente escolhe o animal que lhe parece mais suculento. O golpe na virilha do cachorro é rápido, mas a morte não vem depressa. O sofrimento dura alguns minutos. Os animais que recebem o golpe na jugular têm mais sorte. Mas os abatedores de cães temem a mordida e preferem atacar o animal por trás.

Essa cena se repete diariamente na China. “Que absurdo”, diriam os ocidentais, para quem os cães são animais de estimação. O mesmo diria um indiano diante da forma como tratamos bois e vacas. Não há diferença entre matar um boi e um cachorro para comer. O raciocínio vale também para o esfolamento de galinhas, porcos e outros animais.

Veja MAIS »

Compartilhe esse conteúdo com alguém...